Bebê de 11 meses morre por suspeita de meningite em Governador Valadares

  • 26/03/2024
(Foto: Reprodução)
Menino deu entrada em um hospital particular na manhã de domingo e morreu horas depois. Ilustração baseada em observações com microscópio eletrônico mostra a bactéria Neisseria meningitidis, que causa a meningite meningocócica CDC/Arquivo g1 Um bebê, de 11 meses, morreu em um hospital particular de Governador Valadares com suspeita de meningite. O caso aconteceu no último domingo (24). A unidade hospitalar confirmou a informação por meio de nota. (Veja abaixo) O menino deu entrada no hospital passou por atendimento médico e foi internado na unidade de terapia intensiva (UTI), após exames indicarem a evidência de bactérias. A criança foi entubada, mas morreu ainda no domingo. O menino foi enterrado nessa segunda-feira (25), em Governador Valadares. Confira na íntegra o comunicado: O Hospital Unimed Governador Valadares por meio da assessoria de imprensa esclarece que no dia 24/03/24 atendeu um paciente com suspeita de meningite e iniciou o tratamento antimicrobiano, bem como notificou o serviço de vigilância epidemiológica do município, em observância às normas do Ministério da Saúde. O paciente veio a falecer horas depois de dar entrada na unidade. Paralelamente, o material colhido evidenciou bactéria “gram positivo”, sendo encaminhado para identificação definitiva por meio de cultura. 📲 Clique aqui para seguir o canal do g1 Vales no WhatsApp A prefeitura de Governador Valadares por meio do Departamento de Vigilância e Saúde (DVS), informou que o município tem confirmado em 2024, três casos de meningite e uma morte em investigação. Como a doença é transmitida? A meningite é transmitida quando pequenas gotas de saliva da pessoa infectada entram em contato com as mucosas do nariz ou da boca de um indivíduo saudável. Pode ser por meio de tosse, espirro ou pelo contato com barras de apoio dos ônibus, por exemplo. Por isso, ambientes com muita gente e pouca circulação de ar são ideais para o contágio, e a doença costuma se espalhar muito no inverno. Sintomas e diagnóstico da meningite Os principais sintomas da meningite são dor de cabeça, febre e confusão mental. Nem sempre há rigidez na nuca, e o teste não pode ser feito por um leigo apenas ao baixar a cabeça – só um médico pode avaliar o quadro corretamente. O diagnóstico "padrão ouro" ocorre pelo exame do líquor, líquido que banha o sistema nervoso. A cor do líquor já indica se a meningite é por bactéria ou vírus. Meningite bacteriana Causada por duas principais bactérias: meningococo e pneumococo. Pode ser de sorotipos diferentes, por isso é dividida em letras: A, B, C, W e Y. Se a pessoa teve a meningite B, ela fica inume, mas pode ter as outras letras e isso acontece todas as outras. O período de incubação é curto. Em poucas horas já começam os sintomas: Febre Fadiga, enfraquecimento Dor de cabeça Rigidez da nuca Irritabilidade Confusão mental Vômito em jato Manchas na pele As pessoas também não conseguem fazer alguns movimentos por causa das dores, como encostar a cabeça no queixo e levantar a pernas, quando deitada. O tratamento é feito com antibiótico. Meningite tuberculosa Causada pelo bacilo da tuberculose. Esse tipo não é transmissível. Os sintomas são os mesmos da bacteriana, mas não são tão agudos e por isso é mais difícil de descobrir. O tratamento é o mesmo da tuberculose. Meningite viral Vários vírus podem causar a meningite viral. Os sintomas são diferentes: confusão mental, discurso sem sentido, dor de cabeça. O tratamento é específico com antivirais e deve ser feito imediatamente. Vacinas No Brasil, existem vacinas para todos os sorotipos de meningite, mas o sorotipo B está apenas no particular e custa, em média, R$ 500 a dose. Vacina meningocócica C - indicada aos 3 meses, 5 meses e 1 ano de idade. Vacina meningocócica conjugada ACWY - protege contra estes sorogrupos contidos na vacina. Indicada no primeiro ano de vida aos 3m, 5m e 7m com reforços entre 12 a 15 meses, entre 5 a 6 anos e na adolescência. Vacina meningocócica do sorogrupo B - indicada para crianças a partir de 2 meses a adultos com 50 anos de idade contra a doença meningite B. No calendário de vacinação da SBIM está indicada para crianças aos 3m, 5m e 7m com reforço entre 12 a 15 meses de idade. Mas não temos no SUS. Vacina pneumocócica - proteção contra meningites pneumocócicas. O esquema vacinal depende do grupo etário ao se iniciar a vacinação. BCG - protege contra meningite tuberculosa e é aplicada em dose única nas primeiras 24 horas de vida. Vídeos do Leste e Nordeste de Minas Gerais Veja mais notícias da região em g1 Vales.

FONTE: https://g1.globo.com/mg/vales-mg/noticia/2024/03/26/bebe-de-11-meses-morre-por-suspeita-de-meningite-em-governador-valadares.ghtml


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Top 5

top1
1. the best

Billy Idol

top2
2. the best

Seal

top3
3. ithe best

Tina Tanner

top4
4. the best

Michael Jackson

top5
5. the best

Rick Martin

Anunciantes